Mobilidade

Mobilidade

A Escola Superior de Enfermagem do Porto reconhece que internacionalização é uma componente chave para promover a qualidade dos seus projetos de ensino. A mobilidade internacional é um dos mecanismos mais bem-sucedidos na preparação dos estudantes para trabalhar e viver num mundo globalizado.

Por este motivo, a ESEP criou diversos programas de mobilidade internacional para que os seus estudantes possam beneficiar de oportunidades únicas, oferecendo ainda, uma dimensão internacional e multicultural aos estudantes não-móveis, através do contato com alunos e docentes estrangeiros que escolhem a ESEP como entidade de acolhimento.

A mobilidade de pessoal docente e não docente é um elemento fulcral da política de internacionalização da Escola Superior de Enfermagem do Porto e da sua estratégia de progresso de recursos humanos.

Os programas

O Programa Erasmus+ é um programa de ensino e formação da União Europeia (UE), que promove atividades de mobilidade (para estudantes, pessoal docente e não-docente) e de cooperação transnacional, ao nível do Ensino Superior, num total de 33 países europeus: 27 Estados-Membros da União Europeia; Estados EFTA/EEE (Islândia, Liechtenstein, Noruega, Suíça) e Estados candidatos à UE (Croácia e Turquia).
O Erasmus+ é, assim, o novo programa da UE para a educação, formação, juventude e desporto. Este Programa consolida sob um único quadro de apoio as áreas da educação, formação, juventude e desporto e outros programas internacionais.
O Programa Vasco da Gama é um programa mobilidade de estudantes entre escolas do Ensino Superior Politécnico lançado pelo Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP).

O período de mobilidade pode ser semestral ou anual e ser realizado em qualquer escola de outro Instituto Superior Politécnico nacional.
A realização do intercâmbio implica o estabelecimento de um acordo prévio entra a instituição de origem e de acolhimento, de modo a que seja assegurado o reconhecimento académico, bem como a definição prévia do plano de estudos do estudante. Poderão participar no Programa Vasco da Gama todos os estudantes do ensino superior que tenham concluído o 2.º ano, mediante estabelecimento de um acordo prévio entre as instituições envolvidas. A mobilidade está condicionada à aprovação do plano de estudos definido pela escola de origem e pela escola de acolhimento. Os estudantes não poderão candidatar-se simultaneamente à mobilidade Vasco da Gama e ao programa ERASMUS, no mesmo ano letivo.
1
Número de Estudantes em Outgoing em 2019
1
Número de Estudantes em Incoming em 2019

Atendimento presencial​

Dias da semana
Horário previsto
Segunda-feira
14:00 – 16:00
Terça-feira
11:00 – 13:00
Quinta-feira
14:00 – 16:00

Mais informações